quarta-feira, junho 25, 2008

Experiência

No processo de seleção da Volkswagen do Brasil, os candidatos deveriam responder a seguinte pergunta:'Você tem experiência'?A redação abaixo foi desenvolvida por um dos candidatos. Ele foi aprovado e seu texto está fazendo sucesso, e com certeza ele serásempre lembrado por sua criatividade, sua poesia, e acima de tudo por sua alma.
REDAÇÃO VENCEDORA:
Já fiz "cosquinha" na minha irmã pra ela parar de chorar.
Já me queimei brincando com vela.
Eu já fiz bola de chiclete e melequei todo o rosto.
Já conversei com o espelho, e até já brinquei de ser bruxo.
Já quis ser astronauta, violonista, mágico, caçador e trapezista.
Já me escondi atrás da cortina e esqueci os pés pra fora.
Já passei trote por telefone.
Já tomei banho de chuva e acabei me viciando.
Já roubei beijo.
Já confundi sentimentos.
Peguei atalho errado e continuo andando pelo desconhecido.
Já raspei o fundo da panela de arroz carreteiro.
Já me cortei fazendo a barba apressado.
Já chorei ouvindo música no ônibus.
Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri que eram as mais difíceis de esquecer.
Já subi escondido no telhado pra tentar pegar estrelas.
Já subi em árvore pra roubar fruta.
Já caí da escada de bunda. Já fiz juras eternas.
Já escrevi no muro da escola.
Já chorei sentado no chão do banheiro.
Já fugi de casa pra sempre, e voltei no outro instante.
Já corri pra não deixar alguém chorando.
Já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só.
Já vi pôr-do-sol cor-de-rosa e alaranjado.
Já me joguei na piscina sem vontade de voltar.
Já bebi uísque até sentir dormente os meus lábios.
Já olhei a cidade de cima e mesmo assim não encontrei meu lugar.
Já senti medo do escuro, já tremi de nervoso.
Já quase morri de amor, mas renasci novamente pra ver o sorriso de alguém especial.
Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de levantar.
Já apostei em correr descalço na rua,Já gritei de felicidade,
Já roubei rosas num enorme jardim.
Já me apaixonei e achei que era para sempre, mas sempre era um 'para sempre'pela metade.
Já deitei na grama de madrugada e vi a Lua virar Sol.
Já chorei por ver amigos partindo, mas descobri que logo chegam novos, e avida é mesmo um ir e vir sem razão.
Foram tantas coisas feitas.Tantos momentos fotografados pelas lentes da emoção e guardados num baú,chamado coração.
E agora um formulário me interroga, me encosta na parede e grita:'Qual sua experiência?'.Essa pergunta ecoa no meu cérebro: experiência... Experiência...Será que ser 'plantador de sorrisos' é uma boa experiência?Sonhos!!! Talvez eles não saibam ainda colher sonhos!
Agora gostaria de indagar uma pequena coisa para quem formulou estapergunta:
Experiência? 'Quem a tem, se a todo o momento tudo se renova?'

quinta-feira, junho 12, 2008

Dia dos Namorados

No Brasil comemoramos o dia dos namorados no dia 12 de junho. Mas em grande parte do mundo (como EUA, Itália e Canadá), a data escolhida é 14 de fevereiro, dia de São Valentim (São Valentino, para alguns, ou o Valentine's day dos americanos), um santo devotado à idéia do amor.
Na verdade, há dois santos "Valentino". Um deles foi um padre, santo e mártir, que viveu no tempo do império romano, no ano de 269, durante a perseguição aos cristãos.
Segundo a lenda, o imperador Cláudius II estava mais interessado em seu exército e nas guerras do que na vida em família , e ele estava convencido de que os solteiros, sem esposas nem filhos, eram melhores soldados do que os casados e não teriam medo no campo de batalha.
Tanto era verdade, que o imperador foi tão longe a ponto de ditar uma lei proibindo o casamento. São Valentino, contudo, desafiou o imperador e continuou a celebrar matrimônios em segredo, até ser descoberto, preso e executado.
O outro São Valentino também viveu sob o império romano. Ele levava uma vida simples e era especialmente bondoso com as criancinhas. Um dia, Valentino foi jogado na prisão pelos romanos por ter se recusado a adorar os deuses deles. Dizia-se que as crianças escreviam mensagens de amor para ele e as lançavam pela janela da cela. Estes foram os primeiros cartões do "dia dos namorados". Mas não existe nenhum registro histórico disso.
Os cartões que conhecemos hoje foram feitos pela primeira vez por volta de 1800 e alguns eram bem enfeitados e decorados com pássaros e flores. Hoje, alguns dos cartões mais populares são os de humor.
No Brasil, apesar de ser comemorado às vésperas do dia de Santo Antônio, o famoso santo casamenteiro, tudo começou com uma campanha realizada em 1949 pelo publicitário João Dória - na época na Agência Standard Propaganda - sob encomenda da extinta loja Clipper.
Para melhorar as vendas de junho, então o mês mais fraco para o comércio, e com o apoio da confederação de Comércio de São Paulo, instituiu a data com o slogan:
"Não é só de beijos que se prova o amor".
A Standard ganhou o título de agência do ano e a moda pegou, para a alegria dos comerciantes. Desde então, 12 de junho se tornou uma data especial, unindo ainda mais os casais apaixonados, com direito a troca de presentes, cartões, bilhetes, flores, bombons....uma infinidade de opções para se dizer "Eu Te Amo!".
Nem todos os países comemoram o dia dos namorados como nós fazemos. Na Itália, as pessoas fazem um grande banquete no dia 14 de Fevereiro. Na Inglaterra, as crianças cantam canções a recebem doces e balas de frutas de seus pais. E na Dinamarca, as pessoas mandam flores prensadas umas às outras, chamadas "flocos de neve".
No Japão a data foi introduzida em 1936 e o costume neste dia é as mulheres presentearem os seus amados com caixas de chocolates. Embora a data represente uma oportunidade para as mulheres declararem o seu amor, nos últimos anos o giri choco (chocolate de cortesia ou “obrigação”) também se encontra presente na cesta de compra de grande parcela da população feminina. Mas, muita gente ainda reluta em adotar a data, alegando que se trata de uma jogada comercial, no que não deixam de ter razão, uma vez que o Valentine’s Day representa cerca de 20% do volume anual de vendas das fábricas de chocolate do arquipélago. Mas, o que vale mesmo é a intenção e não há como negar que a vida fica um pouquinho mais doce com estas declarações de amor e com estes chocolates.
Nos Estados Unidos nos dias que antecedem 14 de fevereiro, lojas de cartões, livrarias, lojas de departamentos e drogarias oferecem uma grande variedade de cartões comemorativos chamados Valentines.
Os adultos costumam comprar cartões para acompanhar presentes mais elaborados como doces, flores ou perfumes. Nas escolas as crianças apreciam comprar ou fazer cartões para seus amigos e professores.
Mas, cá entre nós, todo dia é dia para se dizer "Eu Te Amo!"

NI TE AMO!!! :)

À todos um feliz dia dos namorados, todos os dias!

quinta-feira, junho 05, 2008

A vida não pára!






O objetivo de todo ser humano completo é ser feliz em tudo que faz, tanto na vida pessoal quanto e principalmente na vida profissional; Crescer e tornar-se bom em alguma coisa é nosso foco desde pequenos. A partir do momento que entramos na pré-escola, pronto acabou nossa paz e sossego, gradualmente aumentam nossos desafios e responsabilidades e quando nos damos conta, estamos na selva chamada mercado de trabalho, e independente da profissão que escolhemos sempre haverá uma fila de gente atrás de nós e o que preocupa de fato são as pessoas que já estão na nossa frente mais preparadas, qualificadas e etc.. Aí bate aquele medo e os questionamentos, e agora, o que eu faço pra ter meu lugar ao Sol?

Com isso corremos atrás de tudo que é exigido: cursos, faculdades, palestras, experiência, vivência e ufaaa... ainda falta tanta coisa!! Aí resolvemos ficar ali, na zona de conforto que conquistamos e nos acomodamos com aquilo.. com o pouco, ou até com o muito sem perceber que ainda tem muita coisa boa por se conquistar, mas aí dá preguiça, falta de tempo, alegamos falta de oportunidade e dentre tantas coisas ou desculpas, ficamos ali, parados, vendo o tempo passar...

As vezes uns chacoalhões na vida fazem bem.. tive um desses na semana passada de uma pessoa maravilhosa da minha vida; No início fiquei magoada, assustada, pois como pode você se esforçar, dar seu sangue para alcançar seus objetivos e de repente alguém chega e diz que o seu muito ainda é pouco? Mesmo assim, passado o tranco inicial, com calma vejo que tudo foi pro meu bem e eu é quem não queria enxergar, afinal a minha zona de conforto tá quentinha, porque vou enfrentar o frio dos desafios? A resposta é que se quero alcançar algo na vida, meu lugar ao sol e a realização dos meus sonhos, tenho que colocar um cachecol de coragem, um blusão de determinação e sair do quentinho pra enfrentar o frio, o vento.. em buscar do meu lugar ao Sol, que será bem + quentinho, gostoso e natural do que julga minha percepção debaixo das minhas cobertas de desculpas e medo...

A vida é assim, cheia de desafios e a cada dia tem alguma novidade, surpresa e somente serão vencedores aqueles que se dispuserem a enfrentar os desafios para vencer.. Aqueles que pensam que deixar seu barquinho a velas ser guiado pelo vento achando que chegará em um lugar seguro por si só está bastante enganado; Somente aqueles que agarram com força e vontade o timão do seu barco é que conseguirá guiá-lo ao seu Porto Seguro.

Tenho pensando muito sobre isso nos últimos dias e não só pensado, já arregacei as mangas, enfrentei desafios iniciais que me amedrontavam e quando fiz isso percebi que eles eram bem menores e mais fracos do que meus medos julgavam.. ou seja, ás vezes imaginamos monstros do armário assim como fazíamos na infância, deixando-os cada vez maiores, mais fortes e amedrontadores a cada noite, mas quando finalmente resolvemos enfrentá-los, percebemos que nem existiam de fato.

Neste afã de atualizações, vi no site do Fantástico no quadro “Empregos de A a Z” dicas do consultor de RH Max Gehringer sobre o mundo corporativo e como com atitudes simples podemos garantir sucesso no dia-a-dia do trabalho. Quem quiser ver os vídeos e ler as reportagens e dicas, podem acessar através do link: http://fantastico.globo.com/Jornalismo/Fantastico/0,,8648,00.html

· Outra dica é um livro que estou lendo e também achei fantástico, intitulado: “Mulheres Ousadas Chegam Mais Longe” da escritora e também consultora de Recursos Humanos de fama internacional LOIS P. FRANKEL , neste há um teste muito interessante que aponta em qual área da sua carreira você tem deficiências, qual seu ponto fraco que pode estar atrapalhando sua carreira etc, muito bom, vale a pena conferir.

Em fim, é fantástico crescer, agregar experiência de vida e melhor ainda quando tais experiências agregam valor á nossa vida profissional, direcionando-nos e localizando-nos ao tão sonhado lugar ao Sol, lugar quente e seguro, onde podemos trabalhar com satisfação e jamais parar.. pois o crescimento pessoal nunca pára, a vida não pára!