quarta-feira, fevereiro 03, 2010

Superego com Super Poderes


Eu sempre quis ter super poderes! Adoro histórias em quadrinhos e seus super heróis, cada um com um super poder que seduz crianças e adultos. Costumo questionar para as pessoas "Se você fosse um super herói, qual super poder você gostaria de ter?" e tenho o mais variado tipo de resposta, desde voar até comer sem engordar rs, ou se espelham em algum super herói específico e já soltam "Gostaria de ser o Super Man" mas também já ouvi "Gostaria de ser o Shrek"! hahaha vai entender.
Particularmente o super poder que eu gostaria de ter é a junção de dois: o poder de ler os pensamentos com o poder de ficar invisível! Seria demais, imaginem poder saber tudo o que a pessoa está pensamento em contrapartida do que está falando! é tão legal quanto seria poder resolver ficar invisível justamente naqueles dias em que não se quer ver ninguém, ou naquelas situações em que você se depara com uma daquelas pessoas "queridamente chatas" no corredor do shopping e não há tempo hábil de tangentemente virar á direita! rs, ou em situações que os super heróis geralmente se deparam em um conflito com um super vilão e naquelas batalhas épicas pela defesa do universo poder antecipar seus movimentos lendo seus pensamentos e ficar invisível, podendo assim atacar justamente no ponto fraco sem ser visto.. seria perfeito! hahaha e se eu fosse me espelhar em algum personagem específico gosto do "Professor Xavier" do X-Men e também Susan Storm (mulher invisível) do Quarteto Fantástico, rs.
É bem divertido pensar sobre esse assunto, pois o mesmo nos remete para fora da realidade, para um mundo de imaginação, fantasia e realização e exatamente por estes itens é que tais histórias e personagens chamam a atenção dos adultos, pois tais "poderes" revelam problemas e suas soluções de forma fantasiosa e divertida, diferente da realidade que nem sempre possui tais atributos.
A estrutura psíquica segundo Freud é dividida basicamente em 3 esferas: Ego, ID e Superego. A primeira que é o Ego corresponde a parte superficial do indivíduo onde ficam os pensamentos, idéias etc. O ID é o instinto primitivo onde ficam as vontades, desejos etc e já o Superego é o que censura os instintos e as pulsões, ou seja, é a tal da "consciência pesada" e muitas vezes é o vilão da história pois tira a parte boa de tudo aquilo que temos vontade de fazer mas ele vem e diz que "não convém". Há uma comunidade no orkut chamada "Meu superego me odeia" e é uma forma satírica de afirmar que no fundo gostaríamos que o Superego nos permitisse tudo que queremos, como crianças mimadas que fazem birra pra conseguir o que quer e quando consegue fica com aquela carinha de vitória rs.
Seria ótimo se o nosso Superego (que coincidentemente ou não) possui o "super" no início do nome, tivesse super poderes como o poder de abstrair aquele "peso de consciência" nos permitindo ficar felizes mesmo quando a situação não permite ou não convém ou quem sabe também o poder de quem sabe além de nos "frear" nos "conduzir" potencializando nosso sexto sentido para prever situações que provavelmente faríamos algo que o próprio Superego irá reprovar, nos poupado assim da coisa toda desde o início.. em fim..podemos usar a imaginação para dar super poderes não só para o nosso Superego ou para os outros estágios como o Ego e o ID, mas também para todo o resto, afinal sonhar e imaginar não custa nada, rs.

Nenhum comentário: